O naufrago



Após um naufrágio, o único sobrevivente agradeceu a Deus por estar vivo e ter conseguido agarrar-se a parte dos destroços para poder ficar flutuando. Ele foi parar em uma pequena ilha deserta, longe de qualquer rota de navegação. Mas agradecia a Deus a todo instante por estar vivo. 
Com muita dificuldade e restos dos destroços, conseguiu montar um pequeno abrigo para que pudesse proteger-se do sol, da chuva e dos de animais. Nos dias seguintes, a cada alimento que conseguia caçar ou colher, agradecia a Deus. No entanto, um dia, quando voltava da busca por comida, encontrou o seu abrigo em chamas, envolto em altas nuvens de fumaça. Terrivelmente desesperado, o náufrago se revoltou.



Gritava chorando: 
- O pior aconteceu! Perdi tudo! Deus, por que fizeste isso comigo?
Chorou tanto, que adormeceu profundamente cansado. 
No dia seguinte, bem cedo, foi despertado pelo som de um navio que se aproximava. 
- Viemos resgatá-lo, disse o comandante da embarcação. 
- Como soube que eu estava aqui?
O comandante respondeu:
- Nós vimos o seu sinal de fumaça!

Moral da história

É comum nos sentirmos desencorajados e até mesmo desesperados quando as coisas não saem como queremos. Mas Deus age em nosso benefício, mesmo nos momentos de dor e sofrimento. Atenção: se algum dia o seu único abrigo estiver em chamas, tenha fé! Esse pode ser o sinal de fumaça que fará chegar até você a graça divina. 
Para cada medo e pensamento negativo que temos, Deus tem uma resposta positiva e uma palavra de fé, de esperança e de coragem. Porque Ele tem TUDO em Suas mãos!!



Autoria desconhecida. 

Obs: Muitas vezes não conseguimos identificar os autores de um texto, portanto se souber nos ajude. Mande um e-mail paraallyson@r7.com. Fazemos questão de creditar o criador deste lindo texto. 
O naufrago O naufrago Reviewed by Allyson Souza on 08:02 Rating: 5

Gosta de testes?

http://picasion.com/