CONHEÇA AS 8 CORES DE CABELO MAIS RARAS DO MUNDO


Cabelos loiro, ruivo, castanhos... Cada pessoa tem uma cor natural de cabelo, porém você já se perguntou quais são os mais raros? Você sabia que a aparência de fios brancos pode ser sinal de uma característica genética?

Normalmente os fios brancos começam a aparecer por volta dos 30 anos, por causa dos folículos capilares deixarem de produzir pigmentação. Com certeza você já viu alguém que, mesmo jovem, possui alguns ou vários fios brancos! Porém quando as mechas brancas se tornam constantes, isso pode ser sinal de "Poliose".







A poliose, que não é uma doença, pode ser hereditária. Para quem tem essa característica, o surgimento de mechas brancas podem aparecer ainda na infância. Uma celebridade bastante conhecida, que possui poliose, é a apresentadora americana Stacy London. Outro fato marcante da poliose é que ela não altera o tamanho e nem muda de local - os fios brancos sempre aparecerão no mesmo lugar.

Pensando nessa diversidade de cores de cabelos, separamos o ranking com as 8 cores naturais de cabelos, da mais raro a mais comum! Confira:

1. Albino


O albinismo é uma anomalia genética, que tem como consequência a falta de produção de melanina. Isso ocasiona na falta de pigmentação, que causa a ausência total ou parcial de cor na pele, olhos e cabelos. É uma anomalia hereditária, que afeta todas as raças. O albinismo é dividido em três tipos:

1) afeta a produção de pigmentação, deixando os cabelos brancos, pele rosada, olhos azuis ou violeta e ausência de sardas;
2) suas características são pele rosada, cabelos brancos, amarelos ou pouco mais escuros nas pessoas negras, sardas, olhos azuis e castanhos nas pessoas negras;
3) o mais grave de todas, caracterizado pela pele, cabelos e íris brancos, também ocasiona problemas de visão. Esse tipo é conhecido por Albinismo Oculocutâneo.

2. Ruivo


Segundo tipo menos comum, apenas 1.3% da população mundial tem os cabelos naturalmente ruivos. Acredita-se que é causado por uma mutação de um gene específico, que os especialistas acreditam ser recessivo. Os ruivos naturais possuem o tipo de cabelo mais espesso.

3. Loiro


Os cabelos loiros naturais são quase tão raros quanto os outros dois acima. É uma descoloração que atinge cerca de apenas 2% da população mundial. Acredita-se que tem como origem a Escandinávia, localizada na região norte da Europa. A variação dos loiros é grande, indo desde o Loiro Platinado, quase branco, ao Loiro Escuro Dourado. Esse último depende de quantidade de eumelanina e feomelanina - quanto mais feomelanina, mais dourado será o cabelo. Pessoas com loiro natural possuem fios de cabelo mais finos.

4. Cinza


Apenas 4% da população mundial tem cabelos cinzas. A maior parte dessas pessoas são idosas, porém existem casos de pessoas que nascem com os cabelos acinzentados, normalmente uma consequência da falta de melanina e feomelanina. No caso das crianças, é uma situação totalmente reversível, desde que tenha acompanhamento médico.

5. Castanho-avermelhado


Próximo do cabelo ruivo, atinge uma quantidade bem maior de pessoas, quase 6% da população mundial. De acordo com a escala Fischer-Saller, o ruivo e o castanho-avermelhado são muito diferentes - no caso do castanho, a quantidade de feomelanina é muito menor do que nos ruivos.

6. Castanho


Na terceira posição dos mais comuns está o castanho, que envolve cerca de 7% da população mundial. Como você pode perceber anteriormente, a cor do cabelo é determinada pela eumelanina e a feomelanina, sendo que a primeira representa a cor preta e a segunda a cor vermelha. Dessa forma, cabelos castanhos possuem eumelanina muito maior do que feomelanina. Essa é a diferença que separa o tom castanho (mais voltado para o marrom) do castanho-avermelhado.

7. Castanho escuro


É a segunda cor de cabelo mais comum do mundo. Cerca de 13% da população mundial tem esse tom, que possui uma quantidade grande de eumelanina.

8. Preto


E por último, os cabelos pretos, que atingem avassaladoramente 64% de todo mundo. Uma das explicações para essa predominância não se trata apenas da genética, mas também da constante aparição desse gene nos grupos étnicos mais povoados. Outro detalhe interessante é que, por causa da falta de diversidade nas cores de cabelo não-caucasianas, nos genes latinos, africanos e asiáticos, o preto se torna, praticamente, universal, mantendo-se como cor dominante.

Qual a cor do seu cabelo? Você conhece muitas pessoas com cores diferentes de cabelo? Comenta aí!

Fonte; www.fatosdesconhecidos.com.br
CONHEÇA AS 8 CORES DE CABELO MAIS RARAS DO MUNDO CONHEÇA AS 8 CORES DE CABELO MAIS RARAS DO MUNDO Reviewed by Túnel Nerd on 6/28/2016 03:38:00 PM Rating: 5

Gosta de testes?

http://picasion.com/